quarta-feira, 2 de julho de 2008

Um dia para esqueçer

Que dia...
Sabem aqueles dias em que nunca deveríamos ter saído a cama???
Pois, hoje foi um deles..a vontade já era pouca, mas o raio da inspecção do carro estava por fazer e lá teve que ser, a muito custo ( o que já vem sendo hábito) lá meti os pés fora da cama, directa á cozinha.. aquela máquina é a minha salvação , e lá sai o belo do café ..humm que bom para acordar, agora tem que ser , um cigarrinho e mais uma ligeira passagem pelo sofá enquanto termino o cigarro, bem vamos lá então ao banhinho, graças a deus ainda tenho vontade de tomar banho, imaginem que deixava de ter também essa vontade , era lindoooooooo, não me faltava mais nada lol, bem terminado o banho, bora lá pá inspecção e como boa portuguesa que sou ( eu e tantos outros lá apanhei uma fila de duas horas, para no final, o simpático senhor me entregar uma folha vermelha e muito atencioso me dizer, vai ter que cá voltar outra vez ... dasssss já não bastou pagar quase 30 euros, ainda vou ter que deixar lá mais lá, e na oficina enfim, lá parto eu para o meu almoçito, a minha sopa ( azedou ) que lindooooo, eu sei mãe o tempo está quente , mas ontem já era tarde quando a terminei, e estava morna, não dava para meter no frigorífico, enfim não há sopa, ok comi um iogurte, uma peça de fruta e lá vou beber o meu café, ou melhor ia, pk ouve um esperto que me bloqueou a carro, bem feita, tens garagem, pk é que não o puseste lá dentro, agora aguentaaaaa, foram só duas horas !!!nada de especial para quem tinha uma consulta marcada, cheguei tarde, diz a simpática da recepcionista, pois vai ter que aguardar para o final das consultas, FAZER O QUE???? ok eu espero, e esperei esperei muito, saí de lá ás 8 da noite, excelente tarde de férias heim , sentadinha num consultório, tinha ar condicionado, já não foi mau, aliás achei interessantissimo passar ali horas sentada, a ouvir uma serie de conversas por sinal também interessantissimas ( sobre doenças ) e descobri que realmente este País está mesmo muito doente, bem a caminho de casa também n podia correr melhor, pumba levo uma traseirada duma alucinada que axo que andava distraída á procura do telefone que por sinal tinha caido enfimmmm ( ainda teve coragem de me dizer), bem quando saí do carro, nem queria acreditar ganda mocadãoooooo ( porra ) ainda á dois dias veio da oficina, chumbou na inspecção e ainda levou com a maluca em cima, mas o mais engraçado é que quando desviámos os carros, lol, parecia que tinham soprado o meu , lá estava ele direito de novo, ahhh mas eu já sabia a manha dele , não tás ferido por fora, estás por dentro, vamos ver ... e por acaso até nem estava muito , lá se resolveu tudo e vim a correr para casa, fechei o carro na garagem e tranquei-me em casa, esperemos que mais nada aconteça, pensei eu ...., o resto da noite foi pacifica, também pouco saí do sofá, não fosse escorregar e partir-me toda, ainda bem que não é sexta feira 13, imaginem se fosse ....
Bem vou tentar chegar ao quarto e dormir .... amanha será certamente um novo dia

2 comentários:

G.D.M. (Wolf) disse...

ola bruxinha

bem mais um dia sim

e quanto ao que me escreveste no meu post... olha amiga népia.. não vale a pena mesmo amar é complicado... nas adorei a tua narrativa..claro que és lisboeta lol...beijinho e espero ver-te mais vezes...

Lutadora por o seres já venceste...

beijinhos

Bruxinha disse...

Olá Wolf

Obrigada pela tua visita e pelas tuas palavras, concordo amar é complicado mesmo,

beijinhos